Arbusto africano pode indicar locais onde há diamantes

por Atendimento - 06/04
Arbusto africano pode indicar locais onde há diamantes

Arbusto africano pode indicar locais onde há diamantes

Estudiosos acreditam ter identificado um arbusto africano que pode indicar locais onda há diamantes. Tal fato se deve às características de formação dos diamantes e à rocha a qual normalmente estão associados.

Alegam os estudiosos que os diamantes são formados em grandes profundidades pela ação conjunta de pressões e temperaturas elevadas e são trazidos à superfície em crostas localizadas no interior de intrusões de uma rocha conhecida como kimberlito. Dessa forma, onde há a presença de kimberlito, há grande possibilidade de se identificar diamantes.

Por sua vez, onde há o arbusto Pandanus candelabrum, é provável que exista a rocha kimberlito. Conforme o mineralogista Stephen Haggerty, da Youssef Diamond Mining Company, em estudo publicado no Economic Geology, o Pandanus Candelabrum parece crescer apenas em locais ricos em kimberlito, de maneira que a planta deva facilitar o processo de encontrar veios de kimberlito em meio aos arbustos africanos. 

Essa curiosidade sobre o Pandanus candelabrum pode ser devido a uma adaptação aos solos ricos em magnésio, potássio e fósforo em que normalmente é encontrada a rocha que trará à superfície o tão valioso mineral.

Fonte: Mega Curioso, 2019.

Atendimento

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

©Insight Educação Executiva

by nerit